domingo, julho 23, 2006




Que maravilha é essa amigo!? Que magnífico pintor teceu tão soberbo quadro em que a tela é a terra amiga que dá o pão, em que o óleo é o teu sangue generoso!?











Em ti me espanto, cega-me tanta beleza, quero falar mas não posso. És um encanto vivo...

Sem comentários: