sábado, julho 22, 2006





Deixo preso o meu olhar no largo horizonte que tenho pela frente.
Tudo é silêncio, tudo é tranquilidade nesta terra onde nascem os sonhos...

Sem comentários: